Blog

Foliculites

Por Dra Clarissa Reinehr, dermatologista

 

O que é a foliculite?

Foliculite é uma condição cutânea que ocorre quando os folículos pilosos (local de onde “saem” os pelos) ficam inflamados. Visualmente a foliculite pode se assemelhar a pequenas “espinhas” que surgem no centro da área por onde os pelos saem.

 

Qual é principal causa da foliculite?

As infecções bacterianas são as principais causas das foliculites.

 

O que favorece o aparecimento das foliculites?

A remoção dos pelos por raspagem com lâmina em qualquer área do corpo está entre as principais causas. Também pode ocorrer após o uso de jacuzzis contaminadas por bactérias.

 

O que fazer para prevenir foliculites por depilação?

Trocar a técnica de depilação pode ser uma solução, por exemplo: de cera para laser. Deve-se lavar a área a ser depilada antes de passar a lâmina, evitar lâminas usadas, não repassar a lâmina muitas vezes no mesmo lugar, e não depilar no sentido contrario ao crescimento do pelo.

 

Existe foliculite causada por fungo?

Sim. O fungo Malassezia (Pityrosporum) pode causar um tipo de foliculite que costuma coçar, e que, por vezes, é confundida com a acne. Estas foliculites são as vezes, equivocamente, tratadas como acne, sem ter melhora com os medicamentos utilizados.

 

Qual o tratamento da foliculite bacteriana?

As foliculites bacterianas são tratadas por antibióticos, que devem ser prescritos por médicos.  Para um diagnóstico e tratamento corretos, é necessário realizar uma consulta com avaliação médica. Nesta consulta, o médico avalia a necessidade de tratamentos orais ou sistêmicos. Em alguns casos, um tratamento tópico bem orientado pode ser efetivo.

 

A foliculite pode curar sem um tratamento médico dermatológico?

Casos muito leves de foliculite podem apresentar resolução espontânea. Casos mais intensos, por bactérias mais agressivas ou casos repetitivos de foliculite devem receber tratamento sob prescrição médica.

 

O que pode acontecer se eu não tratar a minha foliculite?

Caso a foliculite permaneça sem tratamento, pode ocorrer evolução para uma infecção mais séria e profunda, inclusive podendo levar à formação de cicatrizes e perda permanente dos pelos do local. Casos severos são raros, mas até podem colocar em risco a vida do paciente.

 

Posso “perfurar” ou “espremer” a lesão de foliculite?

Não é recomendado mexer nas lesões de foliculite. Ao fazer isso, o risco de agravar a infecção e de formação de cicatrizes será aumentado.

 

Existe alguma doença que se pareça com a foliculite, mas não seja foliculite?

Sim, há várias doenças que podem simular uma foliculite, por isso é tão importante a avaliação médica. A hidradenite supurativa é uma delas, que pode ser confundida com a acne e com a foliculite. A hidradenite é uma doença de pele que pode ocasionar cicatrizes e formação de fístulas e, nos casos mais severos, pode necessitar remoção cirúrgica.

Além dessa doença, a acne induzida pelo uso de medicamentos específicos, como a vitamina B12 e os corticoides sistêmicos, pode também se parecer com a foliculite.

 

A depilação pode piorar a foliculite?

Sim, algumas formas de depilação podem agravar ou causar foliculite. A remoção dos pelos com lâmina é uma delas. Pacientes que removem os pelos através de depilação com cera também podem apresentar quadros de foliculite, porque os pelos “encravam” e crescem sem conseguir se exteriorizar na superfície da pele, causando inflamação no folículo piloso.

 

Como evitar a foliculite?

É muito importante proteger a pele de ser machucada: o atrito constante da pele pode ocasionar quadros de foliculite. Hidratar a pele com cremes emolientes, reduzindo o atrito com as roupas é benéfico nesse sentido.

Além disso, deve-se evitar raspar os pelos com lâmina na área, espaçando ao máximo o intervalo entre o procedimento se ele for imprescindível.

Evitar o uso prolongado de roupas muito justas a fim de minimizar o atrito é importante também.

Para a foliculite que ocorre após uso de jacuzzis, fontes de água termal ou piscinas contaminadas recomenda-se imediatamente após tomar uma ducha e higienizar a pele.

 

A foliculite pode passar de uma pessoa para outra?

A maior parte das foliculites não é contagiosa, pois não passa de uma pessoa para outra. Mas a foliculite causada por uma bactéria chamada Stafilococos aureus pode ser contagiosa, principalmente se lâminas de depilação forem compartilhadas e uma das pessoas que a utilize esteja com foliculite.

 

Uma foliculite pode resultar em uma infecção maior?

Sim, o furúnculo inicia com uma foliculite, cuja infecção compromete todo o folículo piloso, resultando em um nódulo doloroso e que pode se multiplicar.

 

Existem pessoas que possuem maior risco de desenvolverem foliculite?

Sim, pessoas portadoras de diabetes e pessoas imunossuprimidas, que apresentem alguma doença que reduza a capacidade do organismo se defender de infecções, possuem maior risco de desenvolverem foliculite. Elas devem redobrar os cuidados.

 

Em que lugares do corpo a foliculite pode ocorrer?

Qualquer área corporal que apresente pelos pode apresentar foliculite: couro cabeludo, barba e outras áreas corporais podem ser acometidas.

 

Quais são as áreas corporais mais comuns de apresentar foliculite?

O couro cabeludo, as nádegas, os braços e as coxas são as áreas mais afetadas.

 

Quem apresenta foliculite no couro cabeludo deve lavar os cabelos todos os dias?

Durante o tratamento da foliculite é importante manter o couro cabeludo limpo. Deixar o couro cabeludo oleoso e com outros resíduos pode prejudicar a efetividade do tratamento. O uso de produtos como xampus anticaspas e antioleosidade são recomendados.

 

A foliculite pode afetar a área da barba?

Sim, existe um tipo específico que ocorre na barba, em decorrência dos métodos de raspagem dos pelos da barba, chamado pseudofoliculite da barba. Após a raspagem dos pelos da barba da face e do pescoço com lâmina, são frequentes pequenos traumas junto a emergência do pelo, causando foliculite. Esses traumas favorecem podem cicatrizar rapidamente deixando  o pelo “encravado” dentro da pele, ocasionando as lesões de foliculite.

 

O uso de calça jeans causa foliculite?

Roupas justas, sejam de brim ou não, causam atrito na pele que pode resultar em foliculite. Em climas quentes e úmidos, o constante roçar machuca os folículos pilosos, causando foliculite.

 

Existe algum método depilatório mais indicado para quem tem foliculite?

Se a foliculite ocorre após uma depilação, ela pode ser devida ao método depilatório utilizado. A depilação com laser ou luz intensa pulsada pode ser uma alternativa.