Lóbulo de orelha

Os principais motivos que levam os pacientes a procurarem os dermatologistas para tratamentos nos lóbulos das orelhas são:

• retirada de lesões como pintas, ceratoses e até tumores de pele;
• tratamento de cicatrizes inestéticas – queloides;
• reparo cirúrgico de fenda do lóbulo da orelha;
• preenchimento de lóbulo da orelha para melhoria estética e funcional.

 

Cirurgia de reconstrução do lóbulo da orelha

Indicada para o reparo de fendas causadas por brincos, alargadores ou mesmo pela flacidez cutânea. O lóbulo da orelha é composto apenas por pele, músculo e gordura. Desta forma, é mais propenso a rasgar do que outras partes da orelha.

A cirurgia de reconstrução do lóbulo da orelha é um procedimento que pode ser feito no consultório sob anestesia local. A recuperação é rápida e pouco dolorida.

Existem diversas técnicas cirúrgicas; em uma delas é possível manter o brinco imediatamente após a cirurgia, mas na maioria das vezes, o novo furo só será realizado após a cicatrização total da ferida, cerca de dois a três meses após o procedimento.

Quer saber mais? Veja também no vídeo no nosso canal do YouTube.

Cirurgias mais realizadas em consultório